Sexagem Fetal

O sexo do feto pode ser conhecido já durante a gestação. Atualmente, técnicas moleculares de última geração permitem determinar com segurança o sexo do feto a partir da 8ª semana de gestação.

Sabendo que homens possuem a presença dos cromossomos XY como marcador genético do sexo masculino e mulheres o marcador XX, faz-se a identificação molecular, na amostra, de uma sequência do cromossomo Y, presente apenas no sexo masculino.

O exame conhecido como Sexagem Fetal pesquisa no sangue da mãe a presença do cromossomo Y fetal, utilizando a técnica de biologia molecular conhecida como PCR (Polymerase Chain Reaction) em tempo real.

Estudos demonstram que entre a 11ª e a 17ª semanas de gravidez, aproximadamente 3,4% de todo o DNA presente na circulação materna é de origem fetal. Com o avançar da gravidez, a quantidade do DNA fetal na mãe aumenta, chegando a representar 6,2% entre a 37ª e a 43ª semanas gestacionais.

Diagnóstico laboratorial


O Laboratório Del Porto oferece a seus clientes uma estrutura de última geração em testes de biologia molecular. Com equipamentos modernos e equipe altamente especializada, disponibiliza a Sexagem Fetal no sangue materno, por biologia molecular, por ser um procedimento não invasivo e sem risco para o feto.


Referências

1. Lo YM, et al. Lancet. 350:485-7, 1997.

2. Sezikawa A, et al. Clin Chem; 47:1856-8, 2001.

3. Levi JE, et al. Rev Bras de Ginec e Obst. 25(9): 687-690, 2003.



Fique por dentro das nossas novidades

Cadastre-se agora!